Segunda-feira, 3 de Janeiro de 2005
Vazio de cores cheias
...Vazio de cores cheias...
Pincelado a tons incolores
[É assim de sentimentos repleto]
Prevenindo o coração de dores

...E nos espaços que sobram...
Caem gotas inodoras e insípidas
[Recordam-se os velhos amores]
Que nos rasgos de cores límpidas

...Já não passam de rumores...
publicado por ridufa às 14:00
link do post | comentar | favorito
|
18 comentários:
De ridufa a 4 de Janeiro de 2005 às 11:12
0ranginha: A falta de tempo é, de facto, generalizada. A complexidade dos poemas e a sua compreensão depende da forma como são lidos... aposto que se os leres em dias diferentes consegues obter significados diferentes ;) bjs
De ridufa a 4 de Janeiro de 2005 às 11:07
PaperFlower: E a alma... tão cheia de sentimentos... activa a memória... ao sentir o calor de uma vela num final de tarde ;) Bjs
De 0ranginha a 3 de Janeiro de 2005 às 23:49
Antes demais peço desculpa pela minha ausência, mas a falta de tempo toca-nos a todos (coisa que frequentemente me acontece!)... Estes teus poemas, que complexos de certeza são, são um aquecer para as almas frias que simplemente seguem a leitura com os olhos, mas sentem-a no coração... de certeza que são...
Deixo-te um beijo, mas um beijo com votos de felicidade, amor e tudo de bom neste ano que (ainda recente) chegou! ***kisses**
De PaperFlower a 3 de Janeiro de 2005 às 22:18
"É assim de sentimentos repleto" que se recordam os velhos amores, que "já não passam de rumores". É bom recordar o que já passou. Positiva ou negativamente são sempre batalhas vencidas... Recordar é viver, como se costuma dizer...**
De ridufa a 3 de Janeiro de 2005 às 20:56
Maria Branco: E de repende o vazio fica repleto de cores cheias ;) Boa semana para ti também. Bjs
De Maria Branco a 3 de Janeiro de 2005 às 20:21
Sussurram-se em nós, sem dor... apenas cor, suave... Beijos Ri... Desejo de uma excelente semana!
De ridufa a 3 de Janeiro de 2005 às 18:20
angelis: Obrigada pelas palavras simpáticas... ;) Há quem diga que os meus versos são complexos e sem nexo... seja como for, são eles que preenchem o vazio da minha alma... :) Fico contente por saber que conseguem tocar outras almas :) Bjs
De ridufa a 3 de Janeiro de 2005 às 18:17
de[mente]: E versos que se expressam em cor e se desfazem em tons, não deixam de mostrar o seu vazio repleto de sentimentos e compensado com pinceladas sem nexo... ;) Bjs
De ridufa a 3 de Janeiro de 2005 às 18:13
analfabruto: Os rumores são aquilo que fazemos deles... ganham poder de acordo com a importância que lhes damos... será que os conseguimos ignorar? ;) bjs
De angelis a 3 de Janeiro de 2005 às 18:12
Fico sempre sem palavras quando leio teus poemas. São encantadores, sensíveis e cheios de força e sentimento... só podem vir de uma alma nobre e sensível. Parabéns e um beijinho

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
.posts recentes

. Mundo (In)visível

. Improvisos do momento

. Achas que ninguém sente.....

. Achas que ninguém vê...

. Falha de comunicação

. Até um dia

. A cor do dia em que parti

. Alma nos montes

. Quando os olhos fecho

. Memórias

.arquivos

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO
.subscrever feeds