Sábado, 23 de Outubro de 2004
Dizer adeus
Não pretendo dizer adeus
Nem sequer me despedir
Não deixo os sonhos meus
Que em versos tento medir

Não pretendo dizer adeus
Nem sequer me desculpar
Não deixo os sentidos teus
As mil esperanças espolpar

Não pretendo dizer adeus
Nem sequer me esconder
Mas não deixo ensejos seus
Aos meus desejos responder
publicado por ridufa às 18:01
link do post | comentar | favorito
|
20 comentários:
De ridufa a 2 de Novembro de 2004 às 01:07
Maria Branco: Também não os gosto de dizer... mas por vezes é o não dizer que se torna doloroso ;) Bjs. Até já.
De Maria Branco a 1 de Novembro de 2004 às 19:17
Não gosto da palavras Adeus, não gosto de despedidas... Prefiro um até já, é menos longo que um Adeus. Um beijo grande Ri.. Um até já...
De ridufa a 25 de Outubro de 2004 às 17:23
alexandra: Por vezes somos forçados a dizer adeus... não é escolha nossa... e para já não me vou embora :) bjs
De alexandra a 25 de Outubro de 2004 às 16:08
Não gosto de dizer adeus... muitas vezes digo mas sei que não é definitivo e... quando o é... apenas desapareço. Um beijo e... não vás embora! ;)
De ridufa a 25 de Outubro de 2004 às 09:52
MWoman: (In)evitável pela efemeridade da vida :) Bjs
De MWoman a 25 de Outubro de 2004 às 09:15
Inevitável, não? Mas resta a esperança de um até já e de novas esperanças e sonhos por conquistar... Beijos R.
De ridufa a 24 de Outubro de 2004 às 22:24
Kearinn: Há coisas que estão destinadas a acontecer... sejam princípio, meio ou fim :) bjs
De Kearinn a 24 de Outubro de 2004 às 19:47
Custa porque pensamos que é um fim. Quando dizemos olá, ignoramos o fim que conduziu ao olá, quando dizemos adeus ignoramos o princípio a que este o vai conduzir... é por isso que custa...
De ridufa a 24 de Outubro de 2004 às 11:01
JeriLee: Obrigada pelo comentário teu :) Bjs
De JeriLee a 24 de Outubro de 2004 às 04:10
Adorei os versos teus.

Bjus

=*

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
.posts recentes

. Mundo (In)visível

. Improvisos do momento

. Achas que ninguém sente.....

. Achas que ninguém vê...

. Falha de comunicação

. Até um dia

. A cor do dia em que parti

. Alma nos montes

. Quando os olhos fecho

. Memórias

.arquivos

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO
.subscrever feeds