Sexta-feira, 10 de Setembro de 2004
Redes de tempo incerto
Perco-me
Em redes tecidas
Pelo tempo incerto

[...]

O tempo perdeu a hora
Perdeu a pura razão
Pelo amor se demora

O tempo já desespera
Perdeu toda a noção
E sofre com a espera

O tempo não tem alma
Perdeu-se na ilusão
De que o sonho acalma

[...]

O tempo...
Demora pela espera do sonho
publicado por ridufa às 15:29
link do post | comentar | favorito
|
30 comentários:
De ridufa a 17 de Setembro de 2004 às 02:57
o5elemento: Nada é em vão... mesmo quando assim o parece... tudo renasce, tudo se tranforma ;) Bjs
De o5elemento a 16 de Setembro de 2004 às 20:42
{ ... em redes tecidas de solidão que o tempo reclama em vão © o5elemento ( heterónimo de © biquinha ) ... }{ beijos*renascidos }
De ridufa a 11 de Setembro de 2004 às 18:25
souuma: É uma moeda de duas faces... ;) Bjs
De souuma a 11 de Setembro de 2004 às 18:10
ridufa, acho que é mais: o tempo tem a face que não lhe queremos dar... ;)
De ridufa a 11 de Setembro de 2004 às 12:04
Miss Devil: Quem espera desespera já dizia o povo... ;) Bjs. Bom fim de semana.
De Miss Devil a 11 de Setembro de 2004 às 12:01
oi!
muito se sofre com a espera...
só consegui cá vir hoje, o sapo está muito mau...
bom fim de semana
jinhos
De ridufa a 11 de Setembro de 2004 às 11:19
João da Cal: E enquanto se sonha ganha-se tempo à vida... ;) Bjs
De Joo da Cal a 11 de Setembro de 2004 às 11:01
Enquando tiver tempo,
posso sonhar...
Beijinhos.
De ridufa a 11 de Setembro de 2004 às 03:37
Miss Kafka: A esperança reside sempre na alma de quem sonha e não se deixa vencer pela demora do tempo ;) Bjs
De ridufa a 11 de Setembro de 2004 às 03:36
Miguel: Sente... sente o tempo a cada instante... sente o que representa... sente o que reclama... sente o que deseja... sente a sua demora... sente o que fazes do tempo, mas nunca deixes de sentir ;) Bjs

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
.posts recentes

. Mundo (In)visível

. Improvisos do momento

. Achas que ninguém sente.....

. Achas que ninguém vê...

. Falha de comunicação

. Até um dia

. A cor do dia em que parti

. Alma nos montes

. Quando os olhos fecho

. Memórias

.arquivos

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO
.subscrever feeds