Quarta-feira, 7 de Julho de 2004
Dizem que devia ser diferente
Cabelos ao vento
Olhos de mel
[Fechados para melhor sentir]
Sardas estampadas no rosto
Leveza na forma de estar

Dizem que é doida
Dizem que não é normal
Dizem que devia seguir o caminho
Dizem que não devia ser tão original

Não sabe para onde vai
Não sabe de onde veio
Limita-se a saborear o momento
Ali... ao vento
publicado por ridufa às 15:44
link do post | comentar | favorito
|
16 comentários:
De ridufa a 8 de Julho de 2004 às 09:29
MWoman: Já me preocupei mais com o que os outros pensam... até que me apercebi como isso poderia ser tão limitador como constrangedor... e mudei a minha forma de pensar. Estou bem melhor assim :) Obrigada ;) Bjs
De MWoman a 8 de Julho de 2004 às 00:10
Louca ou não, pouco importa o que os outros pensam...o que é preciso é mesmo saborear todos os momentos...Beijinhos(Estou a gostar desta tua veia poética!)
De ridufa a 7 de Julho de 2004 às 19:57
oliveirinha: Pois, pois... ;) Bjs
De oliveirinha a 7 de Julho de 2004 às 18:10


Ah pois é! Vá lá que me esqueçi de falar na parte das 1000 virgens, ups!!! bolas esquici-me de me esquecer dessa parte. :) bjs pra ti também tou reinando
De ridufa a 7 de Julho de 2004 às 17:30
oliveirinha: Estamos sempre a aprender... ;) Bjs
De oliveirinha a 7 de Julho de 2004 às 16:43


Os rios de mel e leite são parte do imaginário do paraíso para a religião muçulmana, presupõe-se que quem lá chega que o tenha merecido. Bom não duvido que o mereças ridufa mas vê lá se não entras em nenhuma jihad islãmica ok?! isso é contra o Al corão ok?!
Falando de outro assunto, olhos cor de mel são bonitos, são da cor da terra, pelo menos vejo isso assim, representam para mim, uma ligação esteita com a natureza, força.
De ridufa a 7 de Julho de 2004 às 16:42
MARTA TEIXEIRA: Sabe e ao mesmo tempo não sabe... por isso prefere viver o dia a dia com a intensidade que o presente merece :) Bjs
De MARTA TEIXEIRA a 7 de Julho de 2004 às 16:33
No fundo, até sabe. Só que está a gozar o momento, que só a ela lhe pertence. Vai ficar em paz, pois está a comungar com ela própria e todos nós precisamos de nos deixar na onda e esquecer os outros. Gostei muito!!!
Um abraço. Tem um bom dia.
Marta
De ridufa a 7 de Julho de 2004 às 16:21
jhfd: Obrigada pelo sorriso... retribuo ;) Bjs
De jhfd a 7 de Julho de 2004 às 16:16
Deixo aqui o sorriso com que fiquei ao ler este poema http://urbano.blogs.sapo.pt/ ;)

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
.posts recentes

. Mundo (In)visível

. Improvisos do momento

. Achas que ninguém sente.....

. Achas que ninguém vê...

. Falha de comunicação

. Até um dia

. A cor do dia em que parti

. Alma nos montes

. Quando os olhos fecho

. Memórias

.arquivos

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO
.subscrever feeds