Quarta-feira, 6 de Abril de 2005
... Até quando?
Todas as noites nos deitamos
Sem promessas de amanhã
... E como certo, sem pensar
Acalentamos a segurança vã:
O simples abrir dos olhos,
Para o acordar da manhã!

[...]

Até quando?
publicado por ridufa às 07:51
link do post | comentar | favorito
24 comentários:
De ridufa a 6 de Abril de 2005 às 17:31
analfabruto: E se todos pensassem assim... tu passarias a fazer parte dos outros, não era? ;) Bjs
De analfabruto a 6 de Abril de 2005 às 15:18
Se amanhã não estiver cá nem há grande problema: eu de certeza que não vou dar por isso!!!! Assim, não me rala assim tanto acordar ou não amanhã... preocupa-me mais se amanhã não estiverem cá os outros...
De ridufa a 6 de Abril de 2005 às 15:04
Sophia: Interessar não interessa... o que estava a tentar transmitir é que as pessoas de uma forma em geral, vive a vida como se o amanhã estivesse certo... é uma consciencialização de que amanhã podemos não estar cá ;) Bjs
De Sophia a 6 de Abril de 2005 às 14:44
Interessa assim tanto? A beleza do melhor que a vida tem também passa por essa incerteza!
;) Baci
De ridufa a 6 de Abril de 2005 às 14:42
António: É mesmo esse o espírito ;) Bjs
De Antnio a 6 de Abril de 2005 às 13:51
Até quando não sei/ O amanhã irei ver/ mas hoje ao adormecer/ dos que amo lembrarei. E se no sono eu morrer/ comigo levarei a esperança/ dos que amei ao viver/ não morrerá a esperança. Bj.
De ridufa a 6 de Abril de 2005 às 13:22
Carlos Tavares: Obrigada... assim o desejo para ti também ;) Bjs
De Carlos Tavares a 6 de Abril de 2005 às 12:48
Oxalá repitas esse "até quando?" por muitos e bons anos!
De ridufa a 6 de Abril de 2005 às 12:02
Betty: E ainda bem... assim podemos aproveitar o melhor que cada dia traz ;) bjs
De ridufa a 6 de Abril de 2005 às 12:01
Adivinha!: Será mesmo? ;) bjs

Comentar post

.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Agosto 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
27
28
29
30
31
.posts recentes

. Mundo (In)visível

. Improvisos do momento

. Achas que ninguém sente.....

. Achas que ninguém vê...

. Falha de comunicação

. Até um dia

. A cor do dia em que parti

. Alma nos montes

. Quando os olhos fecho

. Memórias

.arquivos

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

blogs SAPO
.subscrever feeds